Se você utiliza computadores certamente já ouviu falar no tal do backup ou cópia de segurança. Para aquelas pessoas que não dão muita importância ao assunto eu deixo uma pergunta: e se amanhã você chegar ao trabalho/casa para utilizar o seu computador/notebook e todos os seus dados sumiram?

Em primeiro momento chamar um técnico de informática (com experiência e “milagreiro”) talvez resolva o seu problema, mas, e se seu computador foi roubado ou ainda numa pior das tragédias houve um incêndio ou acidente? Hum…

Seja em casa ou seja na empresa (em especial) a implantação de uma boa política e rotina de backup é tão importante quanto comprar, produzir e vender. Afinal de contas as informações armazenadas nos computadores já são mais importantes do que o próprio dinheiro e em muitas vezes estas só estão ali. Perder o seu cadastro de clientes, o seu controle de estoque, suas contas a receber, seus e-mails importantes, entre muitas outras coisas, certamente lhe trará muitos transtornos e enormes prejuízos.

Uma boa política de backup consiste em:

a) mapear e especificar quais os seus dados importantes e onde estes ficam armazenados;

b) definir um método e uma rotina de execução de cada procedimento de backup;

c) conforme a quantidade de dados e seu nível de importância, escolher o tipo de mídia ou meio de armazenamento principal e secundário (não é confiável manter o backup em um só lugar);

d) uma vez implementado, definir uma rotina semanal ou mensal para verificação de integridade do seu backup simulando uma eventual recuperação de dados e ao mesmo tempo verificando as mídias e meios de armazenamento utilizados.

Em caso de dúvidas, consulte um técnico de informática com experiência no assunto.

Por Cleocir José Hoffmann

Related Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *